EcoFotos | Viaje pelo mundo da fotografia

[RS/SC] P.N. de Aparados da Serra e Serra Geral

Esta viagem fez parte das ferias de Agosto/2007 onde em 20 dias eu e minha esposa percorremos 5.150 km desde São Paulo passando por Foz do Iguaçu, Argentina, Uruguai e retornando por Chuí no sul do Brasil.

Essa é minha segunda vez nos cânions de Aparados da Serra e Serra Geral. Mas após mais de 5 anos a emoção ao ver aqueles enormes paredões é muito grande.

:::

Confira a galeria de fotos dessa viagem

Dia 1 – Porto Alegre – Praia Grande

Como estávamos na parte final de nossa viagem estávamos vindo do Chuí e em Pelotas tivemos problemas com o carro e fomos guinchados até Porto Alegre, onde ficamos 3 dias esperando pelo conserto. Como era final de semana aproveitamos para conhecer a cidade em detalhes. Saímos de Porto Alegre no meio da tarde de segunda-feira e tomamos a freeway e a estrada do mar para chegar até Praia Grande, uma das cidades base para conhecer os cânions.

Ficamos hospedados na pousada Morada dos Cânions e o vento ao cair da noite era tão forte que balançava o carro parado. Mas foi ele que levou embora todas as nuvens de chuva que estavam na região há vários dias. Na pousada conhecemos o casal Tatiana e Fabrício de Criciúma, que mesmo estando em lua de mel, aceitaram nosso convite para os passeios dos próximos dias.

Dia 2 – Cânion Fortaleza

Acordamos antes da 7h curiosos para ver o dia que nos aguardava. Para minha surpresa o vento havia parado na madrugada e o dia estava simplesmente maravilhoso. Um céu azul anil nenhum vento e muitas coisas bonitas para fotografar. O café estava muito bom e às 9h o nosso guia Joel chegou. Partimos todos no meu carro em direção ao cânion fortaleza. Após quase duas horas de estrada de terra e com uma parada para comprar nosso lanche chegamos ao destino às 11:30h.

Visitamos as bordas inicialmente e na seqüência fomos conhecer a famosa pedra do segredo. O dia estava maravilhoso e começamos o retorno às 16h. No caminho de volta presenciamos a viração, neblina que encobre tudo rapidamente e provoca queda brusca na temperatura. Nesse dia caiu de 12 ºC para 7 ºC.

Dia 3 – Malacara e Itaimbezinho

A programação original seria fazer uma pequena parte do Malacara por baixo. Porém, minha esposa não gostou muito da idéia e acabamos entrando uns 500m apenas. Não deu nem para fotografar a imensas paredes do Malacara que tinha visto na visita anterior. Visitamos a igreja e ficamos sentados um bom tempo na praça da matriz vendo como é a vida em Praia Grande. Aliás, são raros os momentos que conseguimos ficar parados simplesmente contemplando um lugar. Normalmente a programação apertada nos faz comprimir os passeios para aproveitar ao máximo as férias.

Almoçamos no hotel/restaurante do Sérgio (onde fiquei hospedado na outra vez) e a tarde saímos pro Itaimbezinho quase 14h. Até chegarmos lá e até chegamos à beira do cânion a luz já estava fraca e com muita sombra nas bordas. Infelizmente as fotos não saíram como eu imaginava mas o dia foi bem aproveitado.

Dia 4 – Praia Grande – Orleans

Hoje o dia foi bem difícil, pois viajamos 230 km em estrada de terra durante o dia todo. Saímos às 9:30h em direção a São José dos Ausentes. O que eu não sabia era que iríamos passar o dia todo no carro. Em São José dos Ausentes comemos um lanche rápido e fomos direto para o cânion do Monte Negro. No caminho passamos para conhecer a pousada de mesmo nome. Apesar do grande número de queimadas na região consegui fazer algumas fotos do cânion. O próprio Monte Negro estava quase todo encoberto pela fumaça e uma de suas bordas ainda estava queimando.

Na seqüência partimos para Bom Jardim para vermos a serra do rio do rastro. Mais uma vez não previa que era tão longe e chegamos ao mirante às 17:15h e praticamente não havia mais luz. Pensei em esperar escurecer para fotografar a serra, que agora está iluminada, mas para piorar a fumaça das queimadas tapou completamente a visão da serra. Acabamos descendo e ficamos no Hotel Nob em Orleans.

Dia 5 – Orleans – São Paulo

Esse foi o último dia de nossa maravilhosa viagem de 20 dias por dois países e dois ícones de turismo no Brasil: Foz do Iguaçu e Aparados da Serra / Serra Geral. A minha logística foi assertiva em 90% e o único problema que tivemos (com o carro) acabou sendo benéfico, pois o atraso de 3 dias foi justamente o necessário para o tempo melhorar nos Aparados. Após os 5.150 km rodados e muito locais conhecidos só podemos agradecer pela oportunidade de conhecer tantas coisas diferentes e mais uma vez afirmar: esse nosso mundo é maravilhoso e só precisa ser bem cuidado.

Dicas

  • Os cânions podem ser visitados o ano todo, porém inverno e início de primavera são melhores devido a menor probabilidade de chuvas e melhor visibilidade;
  • O único cânion que tem acesso controlado pelo P.Nacional é o Itaimbezinho e não abre às segundas e terças;
  • As estradas que interligam os cânions são todas de terra e não apresentam grandes problemas para carros passeios;
  • A pousada Morada dos Cânions está estrategicamente localizada no meio da serra do Faxinal e praticamente facilitando o acesso pela parte baixa do Itaimbezinho e Malacara e para a parte alta do Itaimbezinho e Fortaleza.
  • Existe uma associação de guias na cidade que oferece serviços (a meu ver caros);
  • Embora a presença de um guia sempre forneça segurança e agilidade, os únicos locais que são exigidos guias é o Itaimbezinho e o Fortaleza, ambos por baixo.

Serviços

Pousada Morada dos Cânyons
contato@moradadoscanyons
SC450 Serra do Faxinal, km 7
Praia Grande – SC
51-3615-2113
48-3532-1590

Demais trechos desta viagem:

Leia os 3 Comentarios sobre esta viagem

Katiucia disse:
02/03/2011

Olá
curti muito seu blog e viagem a aparados da serra.
estou querendo fazer essa viagem em Junho do ano que vem e conhecer tudo. como vc disse, é impressionante e lindo.
parabéns pela viagem, as fotos ficaram lindas!

Eloir linck disse:
19/05/2011

Parabéns pelas fotos. Já estive por ai há algum tempo, mas é lamentável que ainda se use queimar a vegetação para que ela se renove é um lugar muito bonito e deve ser divulgado para as pessoas verem que aqui no Brasil também temos maravilhas

ecofotos disse:
22/05/2011

Olá Katiucia

Muito obrigado pela visita e mensagem.

Abs

Participe! Comente aqui